4 erros em campanhas publicitárias facilmente evitáveis — Sinergia Publicidade

4 erros em campanhas publicitárias facilmente evitáveis

4 erros em campanhas publicitárias facilmente evitáveis

Você teve uma ideia sensacional para valorizar sua marca e impulsionar os negócios. Logo em seguida, você já mentaliza as campanhas publicitárias que serão desenvolvidas em torno dessa proposta. Como fazer para que sua ideia seja executada de forma estratégica e alcance (ou até extrapole) os resultados esperados?

Além de um bom planejamento, é preciso ficar atento a erros que surgem na concepção das campanhas publicitárias e que podem se tornar um tiro no pé ou até mesmo um grande prejuízo. Então, selecionamos os 4 erros mais comuns e vamos lhe contar como evitá-los. Preparado?

1. Campanha sem metas definidas

Qual o objetivo da campanha? O que sua empresa pretende alcançar? É uma campanha de apelo institucional ou o foco é totalmente em venda? Essas, entre outras, são as perguntas básicas que você deve saber responder a respeito das campanhas publicitárias da sua empresa.

Uma das etapas do planejamento (também imprescindível) é a definição de metas e indicadores de sucesso. É por meio dessa definição que é possível mensurar resultados e aplicá-los de forma inteligente.

Agora, se você faz uma campanha no escuro, sem saber o que espera dela, fica bem complicado saber se ela foi eficaz e se seu investimento valeu a pena. Portanto, defina claramente as metas da sua campanha.

2. Falta de informações sobre o público

Outro pilar das campanhas publicitárias de sucesso: o conhecimento sobre o público. É muito importante ter um vasto leque de informações sobre as personas do negócio e sobre a quem é destinada a campanha.

As chances de entrar em sintonia e despertar a atenção de um grupo sobre o qual você nada ou pouco sabe são ínfimas. Esse tipo de desatenção pode jogar por terra tudo o que você pensou.

E qual a solução? Pesquisar, levantar dados comprovados e ficar longe dos achismos. Assim, sua abordagem é mais efetiva e faz sentido para o público.

3. Falta de clareza na mensagem

A mensagem equivocada, a linguagem que não conecta e o apelo que não faz sentido para o seu cliente são resultados de algumas falhas, inclusive em relação ao item anterior.

Não adianta fazer uma campanha linda, do seu ponto de vista, se ela não comunica com o público, se ela não entrega a ele a informação que ele quer ou que ele reconhece. Explicando resumidamente, a mensagem tem que falar a língua da sua persona. Caso contrário, vai ser quase impossível despertar o interesse do público e mais ainda, interagir com ele. Dê uma atenção especial ao conteúdo de todas as ações de marketing e estude a linguagem a ser utilizada.

4. Canais de comunicação inadequados

Outro aspecto que requer atenção é a distribuição da mensagem, ou seja, qual o canal que leva a mensagem a seu cliente. Temos uma vasta diversidade de meios e as possibilidades se multiplicaram com a internet. Para usar essas plataformas a favor da sua empresa, antes de iniciar as campanhas publicitárias é necessário:

  • entender as características de cada meio;
  • adequar sua mensagem ao estilo e às funções de cada canal;
  • investir nos meios onde seu público se encontra;
  • escolher plataformas coerentes com seu orçamento.

Todos esses aspectos levantados estão intimamente ligados ao desempenho das campanhas publicitárias. Obviamente, a estética é fundamental, todavia a tônica das ações deve ser comunicar o objetivo da empresa e assim ser efetiva.

Campanhas publicitárias impactam em todas as esferas de uma empresa, sobretudo em sua reputação. Dessa forma, é essencial desenvolver planos bem estruturados e alinhados com a essência da marca. Para aprofundar sua leitura sobre o tema, aproveite para aprender como otimizar sua campanha de branding e até a próxima!